Arquivo do mês: maio 2012

UMA CARTA QUE EU NUNCA ESCREVI

Meu amor, Eu sinto saudades do tempo em que eu podia escrever diariamente pra você. Sem medo de parecer ridícula ou qualquer coisa. Saudades de me abrir secretamente pra você, para um você imaginário que eu criei nos meus intermináveis … Continuar lendo

Publicado em Como EU vejo o mundo | Deixe um comentário

PROMESSAS AO TEMPO

Um tempo que promete ser bom que promete chegar que promete pra mim Como eu também prometi. Prometi não esquecer, mas não me lembro do quê!

Publicado em Como EU vejo o mundo | Deixe um comentário